129ª SESSÃO DE CAPACITAÇÃO E PLANEJAMENTO

129ª SESSÃO DE CAPACITAÇÃO E PLANEJAMENTO

DATA: 14 DE MARÇO DE 2019

LOCAL:   FEEVALE – NOVO HAMBURGO

Câmpus II – ERS 239, 2755

Sala 101 – Prédio Arenito

 

PROGRAMAÇÃO


08h30min – Recepção

09h

  • Mensagem de abertura das atividades para 2019
  • Sinopses da 128ª Sessão de Capacitação
  • Relatório de 2018
  • Composição do calendário
  • Metas para 2019
  • X Encontro Regional de Defesa Civil – Parobé – 22 agosto 2019
    • Local;
    • Tema;
    • Palestrantes.

14h – Palestras:

  • “Gestão de Risco em Portugal” Prof. Alexandre Oliveira Tavares ¹

Professor Associado do Centro de Estudos Sociais, onde integra o Observatório do Risco – OSIRIS, da Universidade de Coimbra

  • “Atividades preventivas de risco na cidade de Igrejinha”Alessandra Azambuja – Coordenadora Municipal de Defesa Civil;
  • “Integração regional – Conceito e atividades da Oficina Regional de Defesa Civil do vale do Paranhana, Região das Hortênsias e Alto Sinos”. – Cláudio Silva da Rocha – Coordenador Voluntário da Oficina Regional

17h30min – Encerramento


  1. Alexandre Oliveira Tavares : Doutor em Eng. Geológica, ramo Geologia do Ambiente e Ordenamento, com Agregação pela Universidade de Coimbra onde exerce as funções de Professor Associado. Tem trabalhado na temática dos riscos, nomeadamente na representação da susceptibilidade e da vulnerabilidade, assim como no planejamento e gestão do risco. Outros dos domínios de intervenção são o ordenamento do território, os processos de transformação do uso do solo, a avaliação e gestão de recursos, assim como a cartografia geológico/geotécnica. É investigador do Centro de Estudos Sociais, onde integra o Observatório do Risco – OSIRIS. Docente do mestrado interdisciplinar em Dinâmicas Sociais, Riscos Naturais e Tecnológicos e no Programa Doutoral interuniversitário em Território, Risco e Políticas Públicas. Diretor do Departamento de Ciências da Terra da FCTUC. Membro do Painel Científico da Estratégia Nacional de Adaptação às Alterações Climáticas ENAAC 2020. Elemento da Plataforma Nacional para a Redução de Catástrofes.

OFICINA REGIONAL DE DEFESA CIVIL REALIZA A 111ª SESSÃO DE CAPACITAÇÃO E PLANEJAMENTO COM PALESTRA SOBRE “GESTÃO PÓS-DESASTRE : A EXPERIÊNCIA COM O TSUNAMI DO JAPÃO EM 2011

A Oficina Regional de Defesa Civil recebeu, no dia de ontem, 27/07, na sede do Corpo de Bombeiros de Rolante, a Profª Ivana Jalowitzki, do Grupo de Risco de Desastre da Universidade Federal do RGS (GRID/UFRGS) que apresentou a situação vivida pelo Japão, em face do terremoto seguido de um  tsunami, em 11 de março de 2011, que causou a morte de mais de 15 mil pessoas e deixou outros 2.500 desaparecidos. Os efeitos destes eventos se faz sentir até hoje, apesar da excelente estrutura de defesa contra sismos e a contínua preparação da comunidade. A Professora Ivania, especialista no tema de reconstrução social pós-desastre e, que atuou como voluntária, no vilarejo de Shibitachi, na cidade de Kesennuma, na Província de Miyagi, mostrou aos participantes do minicurso a maneira com que os japoneses lidam com fenômenos naturais severos, onde incluem-se intensivas medidas de preparação e de prevenção. O que chamou atenção “ foi a preocupação em manter o registro dos fatos de forma a jamais ser esquecido pelas atuais e futuras gerações, caracterizando-se isto como uma forma de prevenção e preparação.”, salientou o Coordenador Voluntário Cláudio Rocha. Por sua vez, o Coordenador Municipal de Defesa Civil de Rolante, Leandro Gottschalk ressaltou, a “importância da existência de estruturas públicas e comunitárias preparadas e treinadas para medidas de prevenção e de resposta.” O tema e a abordagem pela Profª Ivania foi amplamente elogiado pelos participantes da Oficina Regional.